Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Para aceitar o uso de cookies basta continuar a navegar no website. Para mais informação consulte a nossa política de privacidade e de utilização de cookies.

OK

Receita Ayurvédica: Chutney de Rabanete

Receita ayurvédica

O chutney de rabanete é normalmente servido com o prato principal, não como acompanhamento mas como um aditivo que favorece o sabor dos alimentos e melhora a digestão.

 

Esta receita pode ser preparada com rabanete ou rábano, sendo que o rabanete é ligeiramente mais amargo. Ambos são picantes e de potência quente, o que lhes confere a sua propriedade aperitiva, isto é, potenciam o agni (fogo digestivo).

 

Consumidos crus pacificam o dosha kapha e agravam vata e pitta sendo, por isso, muito indicados para quem tem falta de apetite e acumula líquidos e gordura com alguma facilidade. Após serem cozinhados com os temperos certos, como é o caso desta receita, continuam a ser muito bons para kapha e, além disso, mitigam o dosha vata, reduzindo assim a flatulência, prisão de ventre e sensação de barriga inchada, entre outros. Consumido com moderação, o chutney de rabanete/rábano é adequado para pitta, apenas se este estiver equilibrado, pois é muito rico no elemento fogo.

 

Receita Ayurvédica de Chutney de Rabanete

 

Ingredientes

  • 1 rábano médio ou 2 mãos cheias de rabanetes;
  • 1 colher de chá de sementes de cominhos reduzidas a pó;
  • 1 colher de chá de sementes de mostarda;
  • 3-4 dentes de alho;
  • 1 colher de chá de sal marinho;
  • 2 malagueta verde sem as sementes nem os veios;
  • 1 colher de chá de curcuma em pó;
  • 1 colher de sopa rasa de ghee.

 

Preparação

  1. Aquecer numa frigideira o ghee e juntar as sementes, o alho e a malagueta;
  2. Mexer bem;
  3. Adicionar o rábano/rabanete finamente ralado, a curcuma e o sal;
  4. Envolver e deixar cozinhar por mais 1 minuto.

 

Chutney de Rabanete

 

O rabanete é um dos melhores amigos do fígado pois auxilia o seu processo natural de desintoxicação. Também promove o funcionamento dos rins dada a sua propriedade diurética. Precisas de mais motivos para começares a preparar esta receita?

 

Com amor,

Mafalda

 


A informação apresentada é meramente informativa, de índole genérica, não contendo uma análise exaustiva de todos os aspetos dos temas analisados, pelo que não substitui uma consulta com um terapeuta especializado.