Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Para aceitar o uso de cookies basta continuar a navegar no website. Para mais informação consulte a nossa política de privacidade e de utilização de cookies.

OK

Alimentação Ayurvédica: Frutas e Legumes de Abril

Alimentação ayurvédica

Sem dúvida alguma que a primavera chegou e a natureza está em êxtase com o início deste novo ciclo. A semana passada fui à horta visitar a Célia, a minha agricultora preferida, e fiquei fascinada com as dezenas de flores delicadas que muito em breve serão ervilhas. É fantástico observar esta transformação e, na minha opinião, este conhecimento deveria ser parte integrante do ensino escolar obrigatório. Mesmo que não precisemos de produzir o nosso próprio alimento, pelo menos para já, conhecermos todos os processos pelos quais este passou é tão importante como nos apaixonarmos por alguém que nos mostra aquilo que verdadeiramente é. Sentimo-nos mais confortáveis quando esperamos a visita de alguém que amamos do que a de um estranho, certo? Assim reage também a nossa digestão.

 

 

Comer com consciência - sabedoria ayurvédica

À semelhança dos artigos anteriores, noto que não existem alimentos proibidos para cada um dos doshas, pelo que as listas que se seguem apenas omitem os menos recomendados. Para esses alimentos, que podem causar algum desconforto digestivo, tem duas opções:

  • Retirá-los da sua alimentação com a consciência de que estes não lhe acrescentam qualquer benefício, sempre com a premissa de que não existem alimentos bons e maus1;
  • Aprender a confecioná-los de forma a tornarem-se equilibrados para si, como é o caso do leite dourado – pura alquimia na cozinha.

 

Dosha vata

Alho-francês (cozinhado), beterraba, cebolas nova e roxa (cozinhadas), cenoura, ervilha-torta, espargos, funcho (raiz), laranja, limão, morangos e nêsperas.

 

Dosha pitta

Acelga, alcachofra, alface, alho-francês (cozinhado), batata, beterraba, brócolos, cenoura, chicória, cogumelos, couve-coração / repolho, couve-flor, couve-lombarda, couve-portuguesa, couve-roxa, ervilha-torta, espargos, favas, funcho (raiz), morangos, nêsperas e rúcula.

 

Dosha kapha

Acelga, agrião, aipo, alcachofra, alho-francês, brócolos, cebolas nova e roxa (cruas), cenoura, chicória, couve-coração / repolho, couve-flor, couve-lombarda, couve-portuguesa, couve-roxa, couves-de-Bruxelas, espargos, funcho (raiz), grelos, limão, morangos, nabiças, nabo, nêspera, rabanete, rábano e rúcula.

 

 

Receita ayurvédica: ervilhas-tortas, pinhões e menta!

Esta receita é quase tridosha: apesar da presença dos pinhões e das ervilhas, que poderão agravar ligeiramente kapha, os vários ingredientes equilibram-se mutuamente. Para aqueles cujo dosha predominante é pitta, as folhas de menta poderão ser substituídas por coentros frescos, uma vez que aquela planta poderia perturbar o seu equilíbrio intestinal.

 

Ingredientes para 2 pessoas

  • 2 colheres de sopa de azeite virgem extra
  • 250 g de ervilhas-tortas com as extremidades e o fio removidos
  • 25 g de pinhões
  • 1 dente de alho picado
  • ¼ de colher de chá de óleo de sésamo
  • 10 folhas de menta fresca picadas

 

Preparação

  • Numa frigideira, salteie as ervilhas, o alho e os pinhões no azeite;
  • Envolva bem todos os ingredientes e deixe cozinhar 10-15 minutos – as ervilhas devem ficar tenras;
  • Retire do lume e adicione o óleo de sésamo e as folhas de menta.
  • Sirva imediatamente.

 

Eu iria adorar saber o que achou desta receita. Envie-me uma mensagem com a sua opinião e/ou sugestões para melhorar.

 

Com amor,

Mafalda

 


A informação apresentada é meramente informativa, de índole genérica, não contendo uma análise exaustiva de todos os aspetos dos temas analisados, pelo que não substitui uma consulta com um terapeuta especializado.

1 - Por “alimentos" refiro-me ao que ocorre espontaneamente na natureza, excluindo os produtos processados